Desperdícios X Economia

Hoje em dia se busca sempre excelência na administração de condomínios, contudo quando se trata de compra consciente, não temos o controle total do que se é adquirido e consumido dentro do condomínio. Posso perguntar se no seu condomínio tem um “montinho” de tijolos que sobrou de uma obra ou meio saco de cimento endurecido em um canto do muro, ou pedaços de eletroduto que sobraram do sistema de câmeras. Poderia criar uma lista enorme de coisas que o condomínio compra com sobras, sempre com aquele pensamento de que “é melhor sobrar do que faltar”, na verdade nunca é melhor sobrar, pois quando se trata do dinheiro de outros, sempre temos de fazer a compra mais consciente possível.

Não estou falando que não pode acontecer de sobrar um ou outro material que não teve como ser quantificado com exatidão, mas o que fazer com este material excedente são de suma importância. Por exemplo, conversar com o condomínio vizinho sobre o que você tem sobrando pode estar faltando para ele e vice-versa. Hoje se fala muito sobre Economia Colaborativa, mas até onde somos colaborativos? Se não sabemos nem o nome do sindico do condomínio ao lado? Acho que quando compartilhamos coisas que podemos descartar tornamos o ambiente mais propício para gerar a força da ação e reação do bem.

Já tivemos em um passado recente o sucesso das compras coletivas on-line, porque que não grupos de troca de mercadorias ou ideias? Inclusive já existe Grupos de Whatsapp, um deles o ECO SISTEMA DE CONDOMÍNIO de Mogi e Região onde trocam ideias e se ajudam sobre todos os assuntos pertinentes ao condomínio.

¨ Mais Economia e Menos Desperdício é Igual Condomínio Consciente ¨.

Fábio Alexson

Gerente Predial